Huno Emagrecimento

11 coisas que você deve saber antes da sua dieta

excesso de peso-sexo


É possível perder peso dormindo pouco? Você Engorda comer rápido? E comer na frente de uma tela? Quais os alimentos que ajudam a emagrecer? Como afeta a perda de peso ao cérebro? Como são boas as dietas baseadas em proteínas?


Revemos 11 estudos científicos recentes que deverá ter em conta à hora de iniciar um regime para perder peso.


Iogurte e frutos secos. A longo prazo, comer iogurte e frutos secos de casca dura, como as nozes ou as amêndoas, ajuda a perder peso mais que a fruta ou os legumes, de acordo saía de um estudo realizado na Escola de Saúde Pública de Harvard e publicado na revista New England Journal of Medicine.


Sonho antigrasa. De acordo com um estudo da Universidade de Chicago, quando fazemos uma dieta para emagrecer, dormir durante toda a noite faz com que você perca mais quantidade de gordura. Concretamente, se reduzimos o nosso sonho apenas 5,5 horas perdemos o mesmo peso que depois de um sono de 8,5 horas, mas a queima de gordura é reduzido pela metade.


Contra os desejos, a imaginação. Um grupo de cientistas da Universidade de Carnegie Mellon (Pittsburgh, EUA) descobriu há pouco que, perante o desejo de comer chocolate e doces, imaginar tomando grandes quantidades destes produtos pode ser suficiente para acalmar o apetite.


Beber água para emagrecer. Um ensaio clínico apresentado durante um encontro da Sociedade Americana de Química (ACS, por sua sigla em inglês) revelou que beber dois copos de água antes das refeições ajuda a perder peso e combater a obesidade.


Se você come não navega. Comer na frente da tela de um jogo ou trabalhando com o computador, você pode aumentar o apetite ao longo do dia, promovendo o excesso de peso, segundo revela um trabalho publicado na revista American Journal of Clinical Nutrition.


Os perigos de tomar apenas proteínas. A Associação Portuguesa de Nutricionistas-Nutricionistas desaconselha-se vivamente o “método” ou “dieta” de emagrecimento proposto por Pierre Dukan já que não existem provas que sustentem que uma dieta com maior teor em proteínas ajuda a perda de peso e o consumo prolongado de dietas pobres em carboidratos e ricas em proteínas está associada com um aumento na mortalidade.


Dê pimenta… vermelha. De acordo com uma pesquisa da Universidade de Purdue (EUA), a ingestão de pimenta vermelha (Caiena pode “ajudar a reduzir o apetite e queimar mais calorias do que o habitual depois de cada refeição, especialmente se não costumamos consumir esta especiaria regularmente”, explica Richard Head, co-autor do trabalho.


Atentos aos rótulos. Ler os rótulos dos alimentos que compramos nos ajuda a perder peso, de acordo com um estudo recente da Universidade Estadual de Washington, publicado na revista Journal of Consumer Affairs. As mulheres entre 37 e 50 anos são as que mais têm incorporado esse hábito na hora de fazer a compra.


Melhor passar um pouco de frio. Se continuares a dieta no inverno, não abuses de aquecimento. De acordo com um estudo publicado na revista Obesity Reviews, abusar de aquecimento no inverno pode estar contribuindo para o aumento da obesidade no Reino Unido, Estados Unidos e outros países desenvolvidos. Segundo os autores, reduzir a exposição ao frio reduz a necessidade de consumir energia para permanecer quentes e reduz a capacidade do corpo para produzir calor.


O Rápido ou lento? Comer rápido, em comparação com a fazê-lo lentamente, reduz a segregação de umas hormonas que provocam a sensação de estar “cheio”. A redução de tais hormônios nos levaria a comer em excesso e, portanto, a engordar, segundo um estudo recente.


Perder peso melhora a memória. Além de emagrecimento, quando você perde peso, melhora a sua memória e a sua capacidade de concentração, de acordo com uma pesquisa da Universidade Kent State (EUA). De acordo com Johns Gunstad, co-autor do trabalho, muitos facotres que acompanham a obesidade – hipertension, diabetes tipo 2, apnéia do sono – estão ligados a danos no cérebro, o que, para o pesquisador é lógico que, “se esses problemas desaparecem, a memória funcione melhor”.